Ladrões furtam fios de cobre da Catedral de Maringá
Em um dos lados do templo, os criminosos fizeram um buraco para levar a fiação de cobre Foto: Fábio Guillen/GMC Online

Igreja

Ladrões furtam fios de cobre da Catedral de Maringá

Cidade por Fabio Guillen/GMC Online em 10/09/2020 - 15:43

A Catedral de Maringá foi alvo de ladrões durante a madrugada desta quinta-feira (10), que levaram toda a fiação de cobre dos equipamentos de ar-condicionado da igreja. O prejuízo ainda não foi calculado. 

Segundo informações apuradas pelo GMC Online, os ladrões puxaram a fiação de cobre que liga as unidades externas de ar-condicionado até os equipamentos que fazem a distribuição do ar dentro da igreja. 

Em um dos lados do templo, os criminosos fizeram até um buraco para retirar os fios. O caso foi denunciado para a Polícia Civil, mas por enquanto não há suspeitos. A igreja está sem ar-condicionado por causa do furto. Não é a primeira vez que isso acontece na Catedral de Maringá. 

Espelhos d’água estão sendo danificados

Os espelhos d’água da Catedral de Maringá, que estão em reforma, também são danificados diariamente por skatistas que usam o local para fazer manobras. Em visita ao local, a reportagem do GMC Online encontrou várias peças de granito quebradas por conta da prática desse esporte em torno da catedral. 

Essa atitude já foi denunciada pela administração da igreja à Prefeitura de Maringá, que é a responsável pela administração e proteção da praça. No entanto, os skatistas continuam usando o local. 

Na Avenida Cerro Azul, há poucos metros da Catedral de Maringá, existe uma pista de patinação e skate, que foi reformada recentemente. Mesmo assim, alguns skatistas ainda usam os espelhos d’água do templo. 

A assessoria de imprensa da Prefeitura de Maringá informou que a Guarda Municipal sempre faz rondas no local para vigiar a praça e orientar os skatistas a usarem as pistas próprias para esse esporte. Naquela região existe a pista de skate da Vila Olímpica e a da Praça de Patinação da Avenida Cerro Azul. 

Granito quebrado pela prática de skate no local – Foto: Fábio Guillen/GMC Online
Granito quebrado pela prática de skate no local – Foto: Fábio Guillen/GMC Online