Ulisses Maia anuncia reabertura do comércio de Maringá
O prefeito de Maringá detalhou como será a retomada das atividades econômicas na cidade durante entrevista coletiva. Foto: Carlos Emori

A partir de segunda (20)

Ulisses Maia anuncia reabertura do comércio de Maringá

Política por Portal GMC Online em 17/04/2020 - 10:14

Por: Monique Manganaro/GMC Online & Luciana Peña/CBN Maringá


 

O prefeito Ulisses Maia anuciou que parte do comércio da cidade volta a abrir a partir da próxima segunda-feira, 20. A retomada das atividades econômicas foi divulgada durante entrevista coletiva nesta sexta-feira, 17, na companhia do secretário municipal de Saúde, Jair Biatto, e do presidente da Câmara de Vereadores, Mário Hossokawa.

Segundo o prefeito, a primeira parte das lojas reabre na segunda e o restante na quarta-feira, 22, já que a terça-feira, 21, é feriado nacional de Tiradentes.O prefeito prometeu que os detalhes serão divulgados nas próximas horas.

Durante a fala, Maia ressaltou que a decisão tem respaldo técnico e científico. "Todo movimento de abertura é fundamentado nos números. Dependendo dos números, podemos fechar novamente", afirmou.

O prefeito também lamentou as liminares expedidas pela Justiça nos últimos dias que autorizaram a reabertura de alguns setores do comércio. Segundo ele, as decisões prejudicaram o planejamento inicial da prefeitura. “Não é justo um setor querer voltar antes. Provoca injustiças, desequilíbrio”, avaliou Maia.

O chefe do executivo também relembrou a necessidade do toque de recolher, que foi suspenso nesta semana, e reforçou a necessidade do isolamento social mesmo com a volta ao trabalho de grande parte da população.

Quando questionado, Maia explicou que ainda não foi definido quais setores voltarão a trabalhar na segunda-feira. Segundo ele, um novo edital deve ser publicado até este sábado, 18, especificando, também, as medidas sanitárias que deverão ser tomadas por cada comerciante.


 

Atualização [10h26]:

Entre os detalhes adiantados pela prefeitura está a diferença no horário do comércio. De acordo com Maia, os trabalhadores não voltarão a trabalhar em horários normais. Uma das possibilidades discutidas, mas que ainda não está definida, é a de estipular a carga horária entre às 10h e às 16h.

"Todo movimento de abertura é fundamentado nos números. Dependendo dos números, podemos fechar novamente", afirmou.

O prefeito também lamentou as liminares expedidas pela Justiça nos últimos dias que autorizaram a reabertura de alguns setores do comércio. Segundo ele, as decisões prejudicaram o planejamento inicial da prefeitura.

“Não é justo um setor querer voltar antes. Provoca injustiças, desequilíbrio”, avaliou Maia.

O chefe do executivo também relembrou a necessidade do toque de recolher, que foi suspenso nesta semana, e reforçou a necessidade do isolamento social mesmo com a volta ao trabalho de grande parte da população.

 

Esta matéria está em atualização.

Ouça outras informações pertinentes:

Ouça no aúdio abaixo as informações preliminares sobre o que vai abrir.

Assista a entrevista coletiva que o prefeito Ulisses Maia deu na manhã desta sexta-feira (17) para apresentar detalhes sobre os 30 dias do primeiro decreto municipal que estabeleceu medidas de prevenção ao coronavírus. Durante a entrevista coletiva, Maia também comenta sobre a reabertura do comércio em Maringá.