Mulher de 53 anos é presa com medicamento ilícito atado ao corpo
Foto: Divulgação/PRF

Alto Paraná

Mulher de 53 anos é presa com medicamento ilícito atado ao corpo

Paraná por Luciana Peña em 24/09/2020 - 08:19

Foi na tarde dessa quarta-feira (23) na Unidade Operacional da Polícia Federal na BR-376 em Alto Paraná.

Mais de 1300 comprimidos abortivos estavam presos ao corpo da mulher com fita adesiva.
Ela era passageira de um Jeep, com placas de Belo Horizonte, conduzido por outra mulher, de 52 anos.

Durante a abordagem, as duas disseram que estavam vindo de Ponta Porã com destino a Curitiba, mas estavam muito nervosas.

Os policiais revistaram o carro, mas não encontraram nada de errado. Desconfiados, os policiais acionaram uma policial feminina da Polícia Militar de Paranavaí para uma revista pessoal.

Foram encontrados 1320 comprimidos de dois tipos de medicamentos abortivos.

Elas foram presas em flagrante e trazidas para a Polícia Federal em Maringá. Podem responder por crime hediondo com pena de até 15 anos de reclusão.