ONG resgata 40 cães de raça em criadouro clandestino em Sarandi
Foto: Reprodução/Facebook/Lemuel Rodrigues

Proteção animal

ONG resgata 40 cães de raça em criadouro clandestino em Sarandi

Paraná por Monique Manganaro/GMC Online em 30/09/2020 - 12:40

40 cães, entre adultos e filhotes, foram resgatados de um criadouro clandestino de Sarandi nesta terça-feira (29). O resgate foi conduzido por voluntários da Organização Não Governamental (ONG) Salvando Vidas, de Maringá. 

De acordo com o coordenador da ONG, Lemuel Rodrigues, o local foi descoberto após a denúncia de uma pessoa que comprou um animal no criadouro. “Eram todos cães de raça. Cobravam mais barato por não terem registro, R$ 1.500 a R$ 2.500, aproximadamente”, detalhou. 

Segundo ele, os criadores atuavam há pelo menos dois anos no quintal de uma casa, e não tinham alvará de funcionamento. “Os animais viviam para procriar em espaços minúsculos e presos. Foram 4h30 [de trabalho] para enfim conseguirmos realizar a retirada dos animais”, afirmou Rodrigues em uma publicação nas redes sociais. 

 O coordenador da ONG também destacou que, entre os cães, havia fêmeas prenhas e outras com filhotes com poucos dias de vida. Eram animais de raças como spitz alemão, pastor alemão, shitzu, york terrier, beagle e husky siberiano. Havia, também, um papagaio criado de forma ilegal, sem qualquer tipo de registro em órgãos ambientais.

Todos os animais foram resgatados e levados a um abrigo. Agora, a ONG deve pedir a guarda dos cães na justiça para, posteriormente, conseguir colocá-los para adoção. 

A ação teve apoio de equipes da Vigilância Sanitária, da Secretaria Municipal de Fazenda, da Sociedade Protetora dos Animais de Sarandi, da Guarda Municipal e da Prefeitura de Maringá, que colaborou com o transporte dos animais. 

Acesse GMC Online