95 distribuidoras de gás de Maringá foram notificadas pelo Procon
Imagem Ilustrativa | Foto: Arquivo/Agência Brasil

Vistoria

95 distribuidoras de gás de Maringá foram notificadas pelo Procon

Economia por Letícia Tristão em 14/04/2021 - 16:53

Denúncias levaram o órgão aos estabelecimentos.

É a primeira etapa da fiscalização do Procon com as revendas de gás de cozinha. A partir de várias denúncias de irregularidades feitas pela Ouvidoria Municipal, o órgão iniciou a ação de vistorias nos estabelecimentos. As vistorias foram feitas na sexta-feira (9) e segunda-feira (12).

Nos estabelecimentos, os agentes do Procon vistoriaram a sinalização dos preços, balanças dos botijões, aferidas pelo Inmetro, a placa da ANP - Agência Nacional de Petróleo -, e os alvarás de funcionamento. 95 estabelecimentos foram notificados por possíveis irregularidades. Segundo a coordenadora do Procon de Maringá, Patricia Parra, a próxima etapa é abrir um processo administrativo para análise dos casos. [ouça o áudio]

Durante as vistorias, o Procon identificou variação de preço entre os botijões de gás de cozinha, com 13 kg, entre R$ 88 e R$ 97 em Maringá.