Candidatos ao governo apresentam propostas ao G7
Acompanhe O Assunto é política com Diniz Neto, de segunda a sexta, às 09h40 e às 14h20

O Assunto é Política

Candidatos ao governo apresentam propostas ao G7

O Assunto é Política por Diniz Neto em 29/08/2018 - 14:24

CONTAGEM REGRESSIVA Quarta-feira, 29 de agosto. Faltam 39 dias para o primeiro turno das eleições 2018, domingo, 7 de outubro. Nesta sexta-feira, dia 31 de agosto, começa a propaganda eleitoral no rádio e na TV.

 Os candidatos ao governo do Paraná receberam um documento do G7, com propostas para o desenvolvimento do Paraná. O G7 é composto pela Faep, Fecomércio, Fiep, Fecoopar/Ocepar, Faciap, Fetranspar e Associação Comercial do Paraná.

 UM MASTERPLAN PARA O PARANÁ

A governadora e candidata à reeleição, Cida Borghetti (Progressita) propôs aos representantes do setor produtivo paranaense a elaboração de um grande projeto de visão de futuro e planejamento estratégico de longo prazo, chamado de Masterplan Paraná 2053.

Aos representantes do G7, a candidata disse que este era um exemplo de sucesso que está sendo implantado em Maringá, cidade reconhecida nacionalmente como uma das melhores para se viver.

O Masterplan é um planejamento de médio e longo prazo que aponta diretrizes ao poder público, a partir de estudos com a sociedade civil organizada, que passa a executar em parceria com os poderes o planejamento e o plano estratégico.

O ano é simbólico, pois em 2053 o Paraná completa 200 anos de emancipação.

Em Maringá o Masterplan é para 2047, ano do centenário da cidade.

Cida afirmou ainda que pretende promover reuniões mensais com o G7 e revitalizar o Conselho de Desenvolvimento Econômico do Paraná.

 RATINHO JUNIOR NO G7

Junto ao G7, Ratinho Junior assumiu o compromisso de trabalhar para facilitar os processos, reduzindo a burocracia, especialmente no que envolve o recolhimento e a fiscalização dos tributos. Ele defende que o Estado seja parceiro do setor produtivo – que é responsável por uma parte importante da geração de emprego no Paraná e nunca um empecilho.
Uma das propostas é adequar as regras para agilizar a liberação de licenças ambientais. O empresário não pode esperar dois anos por uma licença.

O candidato citou um dado real: De cada dez empresas que poderiam vir para o Estado, sete vão para o Paraguai.

Ratinho também falou sobre a necessidade de transformar o agronegócio com investimento em tecnologia e parceria com os produtores rurais.

A ampliação da matriz energética do Estado foi outro ponto destacado pelo candidato.

 JOÃO ARRUDA NO G7

João Arruda, candidato a governador pelo MDB, participou do encontro com o G7, no Sebrae, em Curitiba. Ele falou sobre um modelo injusto de pedágio que existe hoje.

Disse que vai mudar o modelo e fazer diferente. A proposta é reduzir a tarifa e cobrar investimentos.

Ele defendeu um plano para o desenvolvimento da infraestrutura do Estado para os próximos anos. Para ele, qualquer discussão sobre a concessão de rodovias precisa antes passar pelo plano de desenvolvimento.

O plano precisa incluir fiscalização e combate rigoroso à corrupção, defendeu João Arruda.

Notícias da mesma editoria