Com recursos federais, Maringá cria mais editais na cultura
Uma das iniciativas é para exposição de trabalhos artísticos em ônibus do transporte público. | Imagem Ilustrativa: Foto: Arquivo/PMM)

Três iniciativas

Com recursos federais, Maringá cria mais editais na cultura

Cultura por Victor Simião em 29/12/2020 - 18:24

Pasta lançou três iniciativas e ainda pretende publicar mais três. Uma das iniciativas é para exposição de trabalhos artísticos em ônibus do transporte público. 

A Secretaria de Cultura de Maringá lançou mais três editais neste fim de ano. As iniciativas são feitas por meio de recursos enviados pelo Governo Federal, mediante a lei Aldir Blanc. Os editais são o “Mostra em casa com arte 2”, “Arte no parque e nas praças” e “Arte ponto a ponto”. As inscrições devem ser feitas na plataforma Maringá Cultura. O prazo para os interessados termina no dia 17 de fevereiro de 2021.

O “Mostra” pretende contratar 41 atividades como cursos e apresentações. O valor total a ser distribuído é de R$ 130 mil; o “Arte no parque…” é para viabilizar 40 espetáculos em diversas áreas, totalizando R$ 120 mil. O “Arte ponto a ponto” quer contratar 10 trabalhos artísticos que vão ser colocados como “busdoor”, ou seja, atrás dos ônibus do transporte público. O valor total dessa licitação é de R$ 70 mil.

A lei Aldir Blanc foi feita pelo Congresso para auxiliar artistas e produtores culturais no momento da pandemia da Covid-19. Maringá recebeu em torno de R$ 2 milhões.

Os editais foram feitos por meio de uma comissão, disse o diretor de cultura da prefeitura, Paulinho Schoffen. [ouça no áudio acima]

Três outras iniciativas estão sendo preparadas.

Quanto ao “Mostra em casa com arte 2”, é o segundo porque o primeiro já foi feito. Quem participou dele pode se inscrever novamente. Só que, aí, outro projeto tem de ser proposto.