Em Maringá, uma pessoa é presa em operação nacional do MP
Imagem ilustrativa/Foto: Reprodução/internet

“Petrolato”

Em Maringá, uma pessoa é presa em operação nacional do MP

Segurança por Victor Simião em 06/12/2019 - 18:32

Ação foi para coibir crimes ambientais. Trabalho ocorreu em 10 estados. Ao todo, três foram detidos em flagrante. 

Uma pessoa foi presa em flagrante em Maringá durante a operação Petrolato. Foi nesta sexta-feira (06).  O trabalho, realizado pelo Ministério Público em 10 estados, foi para combater crimes ambientais. Mais especificamente o comércio ilegal de óleo lubrificante. Nem o nome e nem o sexo da pessoa presa na cidade foram informados.  

Segundo o Ministério Público estadual, o trabalho envolveu diversas forças policiais e grupos especializados. A ação foi para coibir ilegalidades no setor de logística reversa de óleo lubrificante. 

No Paraná, foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão em Maringá, Cascavel, São José dos Pinhais e Curitiba. Três pessoas foram presas em flagrante por crime ambiental em Maringá, Cascavel e Curitiba. Os agentes envolvidos na operação apreenderam caminhões, óleo, embalagens, documentos, celulares e computadores. 

Uma investigação apontou que há locais armazenando o item de forma errada, disse o promotor do MP no Paraná Ronaldo Mion.

A operação Petrolato foi realizada, também, em estados como Rio Grande do Sul, São Paulo e Maranhão. 

As investigações continuam.