Empresários de todo o Paraná definem em Maringá o plano estratégico para os próximos dez anos

Setor têxtil

Empresários de todo o Paraná definem em Maringá o plano estratégico para os próximos dez anos

Por Luciana Peña em 11/11/2019 - 11:47

 A meta é  tornar o setor têxtil do estado uma referência no país. 

Player Ouça a reportagem

Desde esse domingo e durante toda esta segunda-feira, empresários do setor têxtil, de confecção e de couro, discutem o Plano Estratégico de Desenvolvimento para os próximos dez anos. O evento está sendo realizado em Maringá. O objetivo é tornar o setor, que já ocupou o segundo lugar e hoje está entre o quarto ou sexto maior produtor, uma referência no país. Para isso é preciso pensar estratégias de crescimento. E a proposta deve ficar pronta ainda esta semana diz o presidente do Sindvest, Sindicato do Vestuário de Maringá, Valdir Scalon. 

A Abit, Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção também está participando. O economista Haroldo Silva, da Abit, diz que o setor precisa, como toda economia, de um melhor ambiente de negócios, até para poder enfrentar com mais fôlego a concorrência com outros países. Enquanto isso, o que o setor pode e deve fazer, é planejar.

Uma forma de se tornar referência no país é criar uma marca para o setor, diz o presidente da Investe Paraná, agência estadual para o desenvolvimento econômico, Eduardo Bekin. 

Participam do encontro em Maringá representantes de nove sindicatos do setor no estado. 

Notícias da mesma editoria