Escorpiões fazem quase 170 vítimas em Maringá neste ano
Foto ilustrativa/Google imagens

Picadas

Escorpiões fazem quase 170 vítimas em Maringá neste ano

Em 05/11/2019 - 16:43

Em todo 2018, foram 230 registros. O número de reclamações envolvendo os animais aumentou, mas o de recolhimentos caiu.

Player Ouça a reportagem

É no calor que os escorpiões saem com mais frequência dos esconderijos. Em Maringá, até setembro deste ano ocorreram 167 acidentes envolvendo os animais, em 2018 inteiro foram 230. Os dados são da Secretaria Municipal de Saúde. Pelo levantamento, o número de recolhimentos e reclamações relacionadas à escorpiões caiu. Foram 906 reclamações e 609 recolhimentos de escorpiões o ano passado no município. Já até setembro deste ano, são 988 reclamações e 584 animais recolhidos, sendo que 537 eram escorpiões amarelos. A queda nos registros da Ouvidoria Municipal é de quase 30%. A gerente de vigilância de zoonoses e vetores, Suelen Teixeira, faz um alerta à população por causa das altas temperaturas.

Os escorpiões alimentam-se de insetos, como baratas, e geralmente saem dos esconderijos no período da noite em busca de alimentos. No mundo, existem cerca de 2.200 espécies de escorpiões e no Brasil,  em torno de 160. Em Maringá, a maioria das espécies encontradas este ano era a amarela, seguida pelos escorpiões pretos. 

Notícias da mesma editoria