Maringá deve liberar 6 mil doses da vacina a partir de segunda-feira (3)
Imagem ilustrativa/AEN

Gripe

Maringá deve liberar 6 mil doses da vacina a partir de segunda-feira (3)

Saúde por Luciana Peña em 31/05/2019 - 11:48

Essa é uma estimativa da Secretaria Municipal de Saúde porque não se tem ainda um balanço fechado de quantas pessoas receberam a vacina contra a gripe desde o início da campanha e não se sabe também quantas pessoas vão comparecer aos postos de saúde nesse sábado (1º), Dia D de Vacinas. Os postos estarão abertos durante o dia para aplicar a vacina contra gripe em pessoas que fazem parte dos grupos prioritários e para atualizar a carteira de vacinação, com foco principal na vacina da febre amarela.

A campanha de vacinação terminaria nesta sexta-feira (31), mas os grupos prioritários ganharam mais um dia. A partir de segunda-feira (3), as doses da vacina contra a gripe que restarem no estoque serão liberadas para a população em geral. Como explica o secretário de Saúde Jair Biatto.

Quem toma a vacina pode até ficar gripado, como aconteceu com o secretário Jair Biatto, mas os sintomas são mais leves. A Secretaria de Saúde ainda não fechou o balanço das doses aplicadas durante a campanha. Mas a cobertura deve chegar a 90% do público-alvo.

Os grupos prioritários são doentes crônicos, idosos, crianças de seis meses a cinco anos, mães de recém-nascidos de até 45 dias, gestantes, profissionais da saúde, professores, indígenas, presos e pacientes com indicação médica.