Maringá suspende vacinação de gestantes e puérperas contra a Covid-19
Foto: Aldemir de Moraes/PMM

Após recomendação da Anvisa

Maringá suspende vacinação de gestantes e puérperas contra a Covid-19

Saúde por Letícia Tristão em 11/05/2021 - 14:49

De acordo com o secretário de Saúde, Marcelo Puzzi, o município aguarda uma recomendação da Secretaria Estadual de Saúde sobre como proceder. Isso porque, segundo ele, a recomendação da Anvisa sobre a vacinação com a Astrazeneca em gestantes estuda apenas um caso, e o benefício de tomar a vacina é maior do que não vacinar. Segundo ele, apenas nesta terça-feira (11), três gestantes tomaram a vacina e logo em seguida a nota técnica da Anvisa chegou e a vacinação foi suspensa. No sábado e feriado, ele estima mais de 10. O secretário explica ainda que, caso a gestante tenha a recomendação certificada pelo médico de que pode tomar a vacina, a Saúde está autorizada a aplicar a dose.

Atualizado às 18h44 - Em nota divulgada no início da noite dessa terça-feira (11), a Secretaria Estadual de Saúde orienta que “os municípios suspendam a vacinação da AstraZeneca/Fiocruz para as gestantes, conforme recente posicionamento da Anvisa até novo entendimento”. A Sesa também orientou os municípios a monitorarem as gestantes que já foram vacinadas.

Segundo o secretário de Saúde de Maringá informou à reportagem, a vacinação de gestantes, portanto, na cidade, permanece suspensa.