Paraná vive o pior momento da pandemia e só atividades essenciais vão funcionar
Instagram/Reprodução

Até 8 de março

Paraná vive o pior momento da pandemia e só atividades essenciais vão funcionar

Paraná por Luciana Peña em 26/02/2021 - 12:36

Justamente nesta sexta-feira, 26 de fevereiro de 2021, um ano após o anúncio do primeiro caso de coronavírus, a notícia é que o Paraná enfrenta o pior momento da pandemia, com fila de espera para leitos.

Em coletiva de imprensa, o  diretor de Gestão em Saúde da Secretaria Estadual de Saúde do Paraná, Vinícius Filipak, traduziu em números, a extensão do drama. [ouça o áudio]

De quinta para sexta-feira, houve um aumento de 31% na fila de pacientes que aguardam internação em leitos clínicos e de UTI no Paraná. 

Nesta sexta-feira, 578 pacientes estavam nessa fila. [ouça o áudio acima]

A Secretaria de Saúde vai ampliar leitos. Serão abertos 252 leitos entre enfermaria e UTI. Mas como conseguir profissionais para esses leitos.

Não há tempo e o governo do estado decidiu adotar um isolamento rigoroso do dia 27 até o dia 8 de março.

Apenas serviços essenciais vão funcionar, comunicou o Governador Ratinho Junior. [ouça o áudio acima]

O Governador disse que as pessoas flagradas em aglomerações, festas clandestinas, vão ser presas

 Acesse o decreto nº 6983 publicado pelo Governo do Estado