Partidos trabalham por definições e consensos para fechar coligações
Acompanhe O Assunto é política com Diniz Neto, de segunda a sexta, às 09h40 e às 14h20

O Assunto é Política

Partidos trabalham por definições e consensos para fechar coligações

O Assunto é Política por Diniz Neto em 17/07/2018 - 10:05

TEMPO Neste dia 17 de julho estamos a 82 dias do primeiro turno das eleições.

 VEREADORA NOÊMIA ROCHA NA VICE DE OSMAR?

Ontem circulou informação de que a vereadora de Curitiba, Noêmia Rocha, do MDB, poderia ser vice-governadora de Osmar Dias.

Há quem defenda uma mulher na vice, de qualquer forma.

Outros nomes citados são de deputados: o deputado federal João Arruda. Avaliando, dificilmente deixaria de concorrer à Câmara dos Deputados.

Também são citados os deputados estaduais Anibelli Neto ou Nereu Moura. Os dois, da mesma forma que Arruda, tem campanhas organizadas e ativas para deputado estadual.

Outra informação é que haveria uma conversa mais adiantada entre PDT e PPS.

 VICES PARA RATINHO JUNIOR

O Partido Verde apresentou três nomes para vice de Ratinho Junior. Dentre eles, uma mulher, a deputada federal Leandre, engenheira civil, empresária, conhecedora de administração pública e especialista na área de Saúde Pública.

Os outros dois filiados são Paulo Salamuni, ex-presidente da Câmara Municipal de Curitiba, e o empresário e ex-deputado Renato Silva, de Cascavel.

 PCdoB APRESENTA PRÉ-CANDIDATO A GOVERNADOR E AO SENADO

O PCdoB apresentou o Dr. Zequinha como pré-candidato ao governo do Paraná e tentará obter o apoio do senador Roberto Requião (MDB). O partido também lançou ao Senado vereadora de Toledo, Marli do Esporte.

Marli teve a segunda maior votação para a Câmara de Toledo, em 2016, justamente em uma coligação MDB/PDT/PCdoB.

 

BOLSONARO AINDA NÃO TEM VICE DEFINIDO

Vai ser lançado candidato, no domingo. Mas o seu vice, que seria do PR, o senador Magno Malta, do PR do Espírito Santo, quer concorrer à reeleição.

Caso não se defina a coligação, o seu vice pode ser o general da reserva Augusto Heleno Pereira, do PRB, ou, ainda, a advogada Janaína Paschoal, uma das autoras do pedido de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff e filiada ao PSL.

 CONVENÇÕES

As direções partidárias concentram as atenções para as convenções, que poderão ser realizadas de 20 de julho a 5 de agosto. As primeiras estão marcadas para o dia 21.

 O PMN, presidido no Paraná pelo deputado Dr. Batista, que terá candidatos a deputado estadual em todas as regiões e um candidato a deputado federal, Edenilso Rossi, ainda não definiu a sua convenção.

O partido que tem o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, se divide em relação à data da convenção. Tem quem defenda a realização na primeira semana do prazo e quem se prepare para uma convenção no mesmo dia do Progressistas, ainda não definida entre 4 e 5 de agosto.

O PMN deve confirmar apoio a Cida Borghetti para o governo do Paraná.

 O PPS pretendia fazer a sua convenção no dia 3 de agosto. Mas a convenção nacional foi marcada para o dia 4 de agosto. Assim o partido estuda antecipar a convenção no Paraná.

O presidente estadual, deputado federal Rubens Bueno, informa que o partido está dialogando com outros partidos, com vistas aos apoios e coligações. No nacional, o partido participa dos esforços para unificação de coligações em torno de uma candidatura de centro. Não há definição, ainda, sobre este nome.

 

O dilema do PPS é o mesmo dos partidos que buscam esta conciliação, um grupo que reúne PSDB, Progressistas, Democratas, PRB, PR, Podemos, PSD, PSC e PHS.

 Conversam para coligações, o PSL e PR, o PDT e o PSB (o PDT pode ser o destino de alguns dos partidos mais ao centro, quadro que enfrenta obstáculos adicionais nos bastidores, mas que é possível.

 O surgimento da candidatura de João Dória é possível? Mesmo parecendo muito difícil, poderá haver novidades no quadro de candidatos para o fechamento de coligações.

 Enfim, tudo certo, nada resolvido.

  CONVENÇÕES PARTIDÁRIAS NO PARANÁ 

  • PSD, dia 21 de julho, na sede do Paraná Clube. Das 9 às 14 horas.
  • PSC, 21 de julho, no mesmo local do PSD.
  • MDB, dia 21 de julho, na sede do partido, em Curitiba. Das 9 às 14 horas.
  • PV, dia 21 de julho, no Espaço Amazônia, ao lado do Colégio Opet, rua Nilo Peçanha, Curitiba. Das 14 às 18 horas.
  • PROS, dia 21 de julho, Espaço Torres, Rua Pergentina Silva Soares, 159 – Jardim Botânico, em Curitiba.
  • PSOL, fará a convenção dia 27 de julho, na sede da APP-Sindicato, em Curitiba.
  • PT, 28 de julho, na sede do partido, em Curitiba.
  • PDT, 4 de agosto, no Hotel Nacional Inn, em Curitiba.
  • PODEMOS, convenção pré-agendada para o dia 4 de agosto.
  • PSDB, pré-agendada para 4 de agosto.
  • PROGRESSISTAS, será definida para 4 ou 5 de agosto.
  • DEMOCRATAS, PPS, PMN, PHS, PSL, PRB, PCdoB ainda não anunciaram a sua convenção. Assim que forem marcadas atualizaremos aqui.