Prefeitura de Maringá usa projeto pronto de software para divulgar ‘novo parque’ e gera polêmica
Foto: Reprodução/Instagram

Redes sociais

Prefeitura de Maringá usa projeto pronto de software para divulgar ‘novo parque’ e gera polêmica

Cidade por Lethícia Conegero/GMC Online em 09/04/2021 - 18:03

Nesta semana, a Prefeitura de Maringá divulgou nas redes sociais que a cidade vai ganhar um “Parque das Aves” entre a Rua Gralha Azul e a Avenida Alziro Zarur. No entanto, as imagens utilizadas na publicação são de um projeto pronto de um software de arquitetura chamado Lumion. A situação gerou polêmica e críticas nas redes sociais.

Foto: Reprodução/Instagram
Foto: Reprodução/Instagram

A reportagem do GMC Online conversou o autor do projeto, que confirmou que as imagens foram retiradas do software. No projeto original, há uma casa desenhada por um arquiteto alemão, e o artista do Lumion, que é paranaense, criou um entorno ilustrativo para compor o cenário.

O software permite que qualquer usuário edite os projetos. A administração municipal, então, apenas retirou a casa e divulgou imagens do entorno.

Veja o projeto original do Lumion:

Foto: Reprodução/Lumion
Foto: Reprodução/Lumion

Ao ser questionada por internautas sobre a autoria do projeto, a Prefeitura de Maringá chegou a afirmar nos comentários que o projeto já havia sido apresentado e aprovado.

Veja a repercussão no Instagram:

Fonte: Reprodução/Instagram
Fonte: Reprodução/Instagram

Posteriormente, a administração municipal disse que as imagens seriam apenas para mostrar a ideia para a calçada no entorno do Parque das Aves e que a equipe teria apresentado como modelo.

Fonte: Reprodução/Instagram
Fonte: Reprodução/Instagram

Após a polêmica, a administração municipal removeu a publicação das redes sociais.

Em nota enviada à reportagem do GMC Online, a Prefeitura de Maringá informou que “as imagens ilustrativas do Parque da Aves em Maringá, divulgadas recentemente, são parte do compilado de referências utilizado para estudos de viabilidade pela equipe do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Maringá (IPPLAM). As imagens usadas na apresentação são de um projeto correlato. As referências foram escolhidas para explicar a proposta de requalificação de vias paisagísticas e valorização do entorno dos fundos de vale de Maringá”. E finalizou: “os estudos de viabilidade do Parque das Aves continuam. Esperamos, em breve, poder implementar mais um espaço de lazer digno para a população maringaense”.

Acesse GMC Online

 

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550