Servidores ligados ao Sinteemar entram em estado de greve
Divulgação/Valdete da Graça

UEM

Servidores ligados ao Sinteemar entram em estado de greve

Por Luciana Peña em 28/05/2019 - 10:05

A decisão foi tomada em assembleia na manhã desta terça-feira (28) na sede do Sinteemar, o Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino de Maringá e região. Os servidores da UEM alegam perdas salarias de 18% nos últimos anos e estão insatisfeitos porque não há por enquanto uma sinalização de que o governo irá negociar a data-base salarial este ano.

Além do estado de greve, os servidores aprovaram uma mobilização no próximo dia 30, quinta-feira, e uma assembleia permanente para discutir a questão salarial entre outras pautas. O governo do Estado criou uma comissão para debater, juntamente com sindicatos que representam servidores estaduais, a data-base, que a princípio seria negociada só no ano que vem porque o limite prudencial com a folha de pagamento impede o reajuste de salários este ano.

De acordo com informações no site da CBN Curitiba, as negociações estão avançando.

Notícias da mesma editoria