Transferência de presas de Maringá será constante a partir de agora, diz Depen
Foto: Luciana Peña/CBN Maringá

Para Astorga

Transferência de presas de Maringá será constante a partir de agora, diz Depen

Segurança por Luciana Peña em 17/07/2019 - 09:51

Nesta quarta-feira (17), 42 presas foram transferidas de Maringá para a cadeia feminina em Astorga. A transferência começou bem cedo, perto das 8h da manhã. A determinação do Depen, Departamento Penitenciário do Paraná, foi dada após o princípio de motim na última sexta-feira (12) quando presas tentaram fazer um agente de cadeia refém. O espaço onde as presas estavam, na carceragem da 9ª SDP, é pequeno e não há pátio para banho de sol. A transferência foi conduzida por equipes do SOE, Setor de Operações Especiais. O coordenador regional do SOE, Luciano Brito diz que todas as presas serão transferidas nesta quarta-feira, 35 pela manhã e outras sete ao longo do dia. Ficaram em Maringá apenas as presas em flagrante.

Nas últimas horas, seis mulheres foram presas em flagrante em Maringá. Elas serão transferidas na semana que vem para Astorga. As transferências devem ser semanais a partir de agora. Nas celas para homens da carceragem da 9ª SDP estão hoje 80 presos.

Atualizado às 16h15- Segundo o SOE, esta transferência marca a implantação da cadeia feminina de Astorga.