Conheça a vida dos quatro irmãos adotados por casal de Maringá
Foto feita durante o batismo dos quatro irmãos em Maringá com os novos nomes. Imagem: Arquivo Pessoal

Inspiração

Conheça a vida dos quatro irmãos adotados por casal de Maringá

Cidade por Portal GMC Online em 17/04/2020 - 11:08

Por: Fábio Guillen/GMC Online


 

Ouça o reportagem completa:

Por mais dura que a vida possa ser para algumas pessoas, às vezes nos deparamos com finais surpreendentes e felizes. É o caso de uma família de Maringá. Em uma casa da zona norte da cidade, o sonho de um casal transformou a vida de quatro irmãos, que viviam há anos em um abrigo em Curitiba.

Eles têm 7, 9, 10 e 11 anos, são amorosos, carinhosos, muito unidos e gratos ao casal que impediu que a vida lhes separassem. Thiago Leite Soares e Jéssica Caetano de Lima Soares receberam os quatro irmãos no dia 20 de maio de 2019 e, prestes a completar um ano da adoção, as notícias são muito boas.

“Eles amaram Maringá e se adaptaram muito bem. Estão estudando, crescendo felizes e aqui na vizinhança não tem que não se apaixona por eles. São uma graça. A gente acredita que a adaptação ao novo lar foi rápida porque eles estão juntos”, disse a mãe Jéssica Caetano de Lima Soares.

Thiago é bombeiro militar e Jéssica trabalha em casa fabricando pães e bolos para ajudar na renda da família. Casados há 7 anos, eles sempre sonharam em ser pais. Ao entrar na fila da adoção, o Fórum de Curitiba chamou o casal para conhecer uma criança, que na época tinha 6 anos.

Quando o casal descobriu que essa criança tinha outros três irmãos imediatamente os dois pediram para adotar todos e a Justiça aceitou. As quatro crianças estavam disponíveis para adoção e iriam para famílias diferentes, mas o casal conseguiu evitar que os irmãos se separassem.

“Eles nunca seriam completos se não tivessem um ao outro. Vejo no dia a dia a união deles e é algo incrível. Eles têm muito amor um pelo outro e cada dia que passa Deus nos mostra que tomamos a atitude certa. Eles são maravilhosos e a gente é muito feliz”, comentou a mãe.

 

Irmãos são muito obedientes e educados

Os quatro irmãos são filhos muito obedientes, segundo a mãe. Desde os primeiros dias no novo lar eles demonstraram afeto e gratidão pelo casal. “A gente criou uma rotina desde o início, colocamos as regras eles sempre obedeceram tudo. São muito educados, amorosos e a gente sente que a nossa sintonia é muito grande”, disse Jéssica.

O casal, muito religioso, agradece sempre a Deus pela oportunidade que teve de realizar esse sonho. Thiago Leite Soares, disse que ama ser pai. “As crianças são uma benção. Educadas, tranquilas, amorosas. Melhor presente de Deus para as nossas vidas”, comentou.

 

Vida nova pede nomes novos

Ao chegar em Maringá e sentir o amor que receberam dos pais as crianças decidiram trocar até mesmo os primeiros nomes. Geralmente se troca o sobrenome, mas eles decidiram mudar totalmente de identidade para começar uma nova história.

“Foi muito lindo isso. Eles queriam ter um primeiro nome novo para começar uma vida nova. Daí a gente sugeriu nomes de santos e eles amaram. Todos ganharam um novo nome e um novo sobrenome. É vida nova”, disse a mãe.

 

Família teve muito apoio

Os pais dos quatro irmãos de Curitiba disseram que sempre receberam muito apoio de todos os lados. A Justiça e a comunidade colaboraram muito para essa nova etapa na vida deles.

“Tivemos muito apoio de psicólogos e de toda a comunidade que nos ajudou e nos ajuda. E sempre recomendo que quem vai adotar aceite ajuda dos profissionais que fazem esse trabalho lindo. Ninguém cresce sozinho. Queria agradecer a todos que ajudaram a gente. Deus não deixou faltar nada”, disse a mãe.

 

Encontro da nova família foi emocionante

Quando as crianças chegaram a Maringá os pais acreditam que o encontro já tinha sido marcado. Eles se sentiram muito parte da vida das crianças desde os primeiros segundos. É como se realmente eles tivessem que ser os pais dos irmãos.

“A gente vê que eles nasceram pra gente e que a gente nasceu pra eles. Filho é um dom e não é um direito. Tanto que a gente nunca quis fazer inseminação. Filho é de Deus e somos eternamente gratos a Deus por esse encontro de coração e de almas. Somos muito felizes com tudo o que aconteceu até aqui”, contou emocionada.

 

Pais recomendam a adoção

Jéssica e Thiago não romantizam a adoção. Em entrevista ao GMC Online a mãe contou que é um processo muito lindo, mas as famílias precisam estar prontas e realmente decididas na hora de entrar na fila.

“O casal tem que estar muito alinhado, decidido e pronto porque os problemas também aparecem. Não podemos romantizar o processo. Mas só quem se permite a viver o amor pela adoção vai sentir essa experiência maravilhosa. O amor supera tudo e hoje somos pais realizados graças a adoção”, disse a mãe.