Operação cumpre mandados em Marialva e Astorga
Reprodução/ParanáOnline

Adulteração de veículos

Operação cumpre mandados em Marialva e Astorga

Por Redação em 28/03/2019 - 16:35

O Núcleo de Ponta Grossa do Gaeco, Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado, cumpre nesta quinta-feira (28), 15 mandados de busca e apreensão. O objetivo da operação VIN, referência ao número de identificação veicular, é investigar crimes de receptação de veículos furtados e roubados, adulteração de sinal identificador de veículos, falsidade ideológica e corrupção ativa e passiva.

Os mandados são cumpridos em Telêmaco Borba (oito), Marialva (quatro), Astorga (dois) e Londrina (um), nas residências dos investigados, em oficinas mecânicas e em lojas de veículos, além de um posto de atendimento do Detran.

 A investigação começou em 2017. Para o MP, uma organização criminosa é suspeita de comprar peças de carros de origem ilícita. As peças são depois usadas na reforma de carros comprados em leilões. E os carros vendidos no mercado como se fossem regularizados. Por isso, suspeita-se e há indícios, de expedição do certificado de inspeção veicular e da regularização dos veículos pelo órgão de trânsito com documentos falsos, a partir de pagamento de suborno a agentes públicos.

Notícias da mesma editoria