Segundo protesto do mês em apoio à educação reúne centenas de pessoas
Carina Bernardino/CBN

Manifestação

Segundo protesto do mês em apoio à educação reúne centenas de pessoas

Por Carina Bernardino em 30/05/2019 - 21:12

Manifestação iniciou na UEM e seguiu por duas principais avenidas de Maringá

Player Ouça

A manifestação realizada na noite desta quinta-feira (30) teve várias palavras de ordem. Os estudantes foram às ruas contra o corte de recursos para a educação. O protesto iniciou dentro da Universidade Estadual de Maringá e seguiu em passeata pela rua 10 de maio e avenidas Herval e Brasil, até a praça Raposo Tavares. Centenas de pessoas participaram. A assistente social Marta Machado, que se formou na UEM, foi em defesa dos estudos da irmã dela.

No discurso, o acadêmico Krigor de Camargo reforçou a importância dos investimentos nas universidades públicas do país, que retornam à população em melhorias e serviços.

Em Maringá, antes da manifestação, os estudantes fizeram debates, rodas de conversa e confeccionaram cartazes e faixas com dizeres em apoio à educação. O organizador local foi o universitário Jhonny Aguiar. Ele disse que o protesto também foi por reformas necessárias para o país, como a da Previdência.

Sindicatos locais, como o Sesduem, Aduem e Sinteemar, apoiaram a manifestação. No dia 15 deste mês, centenas de manifestantes bloquearam o trânsito de ruas e avenidas de Maringá. O ato também fez parte da paralisação nacional da educação contra os cortes anunciados pelo governo federal.

A organização estima cerca de 3.500 participantes no protesto.

Notícias Relacionadas

Notícias da mesma editoria