Empresário acusado de matar ex-sócio em Maringá é condenado a 13 anos de prisão
Foto: Reprodução câmera de segurança

Crime

Empresário acusado de matar ex-sócio em Maringá é condenado a 13 anos de prisão

Segurança por Ivy Valsecchi/GMC Online em 07/10/2021 - 18:28

O empresário Hemerson Alaor Simoni Queiroz, 34, foi condenado a 13 anos e 6 meses de prisão em regime fechado por homicídio qualificado. A sentença foi proferida na noite desta quarta-feira (6), no Fórum de Maringá, depois de mais de dez horas de julgamento.

Ele era acusado de matar o ex-sócio a tiros no Jardim Oásis, em julho de 2019. André Rodrigo Tiago, de 40 anos, foi assassinado dentro do carro, na rua, em frente à casa onde morava. O acusado se aproximou e disparou várias vezes contra a vítima.

Uma câmera de segurança flagrou o crime na época.

Acesse GMC Online

 

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550